ESCRITÓRIO EM CASA - HOME OFFICE

 
 

Apresentação

Na década passada, foram demitidos 4,4 milhões de trabalhadores das 500 maiores empresas americanas. Tal medida resulta numa reestruturação dessas empresas, fazendo com que muitos profissionais procurem novos meios de conduzir suas carreiras. Assim, muitos deles renunciam ao trabalho tradicional de escritório e passam a gerar renda a partir de seus lares. O nome da fórmula é "Home Office", um escritório em casa que presta serviços on-line às empresas. Com esse sistema você pode deixar a tecnologia cuidar de seu negócio enquanto faz o que lhe interessa, usufruindo do seu estilo de vida e colhendo suas recompensas.

O Home Office envolve o conceito de trabalhar em casa de uma forma mais ampla implicando em uma reformulação nas relações de trabalho, entre elas a disciplina e a organização pessoal, escolha e planejamento do local de trabalho, mudança na rotina doméstica e respeito da família, variando de acordo com as peculiaridades de cada atividade.

Nos Estados Unidos e na Europa, o Home Office é muito difundido e o Brasil vem acompanhando esta tendência. E graças ao avanço tecnológico, conexão à internet, aos bancos de dados e aos satélites, muitos profissionais têm todas as informações necessárias para desenvolver seu trabalho sem sair de casa.

Mercado

Atualmente a economia gira em torno de serviços e informação e com o atual avanço da tecnologia e da informação, pode-se ter um negócio em tempo integral, renda extra com uma atividade em tempo parcial, e até uma segurança não encontrada no mercado atual. O Sistema Home Office não é apenas próspero, mas também de fácil operação e simples administração.

O número de micro e pequenas empresas que começam seus negócios em casa tem sido cada vez maior, transformando os home offices em alavancas do setor empresarial e da economia nacional.

Localização

O local do escritório será sua própria casa ou apartamento, no qual se escolherá um local de trabalho, agradável, funcional, que você possa receber eventuais clientes, embora o ideal seja o atendimento em loco, pois se você mora num condomínio, não conseguirá o alvará de licença nem autorização da assembléia se tiver fluxo de clientes.

A atividade econômica da maioria das cidades é regulamentada em conformidade com um plano diretor urbano (PDU) de cada município. É essa lei que determina o tipo de atividade que pode funcionar no imóvel ou no endereço escolhido para a instalação da empresa. Esse deve ser o primeiro passo para avaliar a implantação de sua empresa, as informações são disponibilizadas nas Prefeituras.

Estrutura

A estrutura básica deve contar com uma área de aproximadamente 20m2 para a instalação do escritório.

Em primeiro lugar, é necessário você listar tudo o que é necessário para montar seu Home Office (computador, estante de livros, arquivos, mesas, cadeiras). A partir daí você poderá escolher o melhor local para instalar seu escritório. Exemplo: o quarto de empregada, o mezanino, a garagem, um quarto com entrada independente, etc.

Equipamentos

Os equipamentos básicos são: mesas, cadeiras, arquivos, hardware / software (computadores - de preferência os mais avançados existentes no mercado atual), impressoras, scanner´s , programas básicos - word, excel, power point, etc.), telefone, fax, etc.

Hoje em dia com o avanço tecnológico e a rapidez de informações ocorridas devido ao acesso via internet, o computador tornou-se um equipamento fundamental em qualquer ramo de atividade. Portanto, procure um equipamento que melhor se adapte às suas necessidades, mas é imprescindível que este possua um modem, para o acesso a Internet. Inclusive hoje existem no mercado provedores, principalmente os de banda larga, que alugam os equipamentos necessários para conexão com a internet. É importante ter uma ou mais linhas telefônicas exclusivas.

Investimento Inicial:

O investimento varia muito de acordo com o porte do empreendimento e do quantitativo de que dispõe o investidor. Considerando um Home Ofice, montado numa área de 20M², será necessário um investimento de R$ 15 mil aproximadamente.

Obs.: os valores apresentados são indicativos e servem de base para o empresário
decidir se vale ou não a pena aprofundar a análise de investimento.

Pessoal

Você pode iniciar suas atividades sozinho e à medida que aumentar o volume de trabalho você pode contratar um auxiliar. Não esqueça de que se a instalação for em condomínio residencial, estará restrito às regra do seu regimento interno.

Estrutura

1. A instalação em casa é o ideal, especialmente quando há possibilidade de entrada independente, o que permite maior privacidade no trabalho. É importante que seja reservado um lugar só para o Home-office (escritório doméstico);
2. A instalação em apartamento também é usual, mas pode haver algum tipo de embaraço na recepção de cliente já que os condomínios costumam ter normas rígidas de segurança e muitos deles não permitem atividades comerciais no local;
3. Se o imóvel for uma casa é recomendado o reaproveitamento de áreas disponíveis e com espaço razoável como edícula, garagem, área de serviço ou terraço;
4. Dê preferência por local com luminosidade indireta, evitando reflexos na tela do microcomputador;
5. O mobiliário deve ser funcional, confortável e adequado para pequenos escritórios;
6. Pode haver o reaproveitamento de móveis da casa, como poltrona, estante, mesa, prancheta;
7. Deve-se usar cadeira que permita regulagens no encosto, braço, assentos e suporte;
8. Os equipamentos minimamente necessários são: microcomputador com placa fax/ modem (ou acesso à internet), impressora, duas ou três linhas telefônicas fixas, telefone celular, secretária eletrônica;
9. O profissional deve ter objetivos claros sobre o negócio pretendido para que o Home Office não se transforme em local de execuções apenas de 'bicos';
10. Também é necessário ter iniciativa, oferecer serviço de qualidade e ter disciplina para evitar a interferência da família ou moradores do imóvel na atividade profissional;
11. A despesa do escritório também deve ser separada da doméstica por meio de uma contabilidade à parte que deve incluir gastos com material de escritório, contas telefônicas, energia elétrica e mensalidade de acesso à internet, e eventuais materiais informativos de consulta.

Começando

Para as micro e pequenas empresas, começar seu negócio em casa torna-se uma boa opção para redução de custos.

Mas cuidado, se o Home Office é para trabalhar então escolha um local adequado para isso, para que ele não seja confundido com a sala do computador da sua casa.

O Escritório em Casa ( ou Home office) é o trabalho profissional realizado em casa. É uma opção atrativa para o início de micro e pequenas empresas já que representa considerável redução de custos.

Sua expansão vem mudando o contexto empresarial e o perfil do emprego, a partir da terceirização de serviços gerada pelos novos modelos empresariais decorrentes da globalização da economia.

Clientes

Seus clientes são pessoas físicas e jurídicas que terceirizam serviços administrativos e técnicos. Você deve avaliar se possui os conhecimentos e habilidades exigidas para a execução de cada contrato.

Legislação

Os passos para registro de uma empresa prestadora de serviços

Veja também

Os riscos da informalidade
Qualidades do Empresário de Sucesso
14 dicas fundamentais para quem tem um negócio em casa

Plano de Negócio

Sugerimos sua participação no Negócio Certo Sebrae

O Negócio Certo é um programa de Auto-Atendimento oferecido pelo SEBRAE gratuitamente, por meio digital ou material impresso, especialmente destinado as pessoas que buscam orientações práticas sobre planejamento, abertura e gestão de novos negócios.

Além da internet o Programa Negócio Certo Sebrae, disponibilizará as informações em:

- estações de auto-atendimento nos Pontos de Atendimento ao Cliente do Sebrae em Santa Catarina;
- em CD Rom,
- em material impresso que podem ser solicitados através do 0800-6430401