SEBRAE/SC - Artigos para MPE's

 
  Data Inclusão: 25/08/2005
Autor: Diário do Comércio
Fonte: Diário do Comércio

O perfil de consumo do homem classe A

Sofisticação, qualidade ou exclusividade nem sempre são os atributos de uma marca mais valorizados pelo público masculino de alto poder aquisitivo. Os homens que procuram um reposicionamento, como fez a mulher, tendem a ser conservadores e a valorizar marcas. Já os mais maduros, com perfil de liderança, preferem a praticidade e as lojas multimarcas.
A consultoria Gouvêa de Souza & MD decidiu, pela primeira vez, usar a segmentação semiótica, com base em ações e linguagem não-verbais, para delinear o perfil de consumo do homem brasileiro de classe A. O resultado mostrou que o homem brasileiro de alto poder aquisitivo está dividido basicamente em três grupos: órfão, meta-homem e refil.

Eles estão representados numa amostra de 1,2 mil entrevistados na faixa de 18 a 55 anos e renda média familiar em torno de R$ 9 mil, o que corresponde a 6% da população brasileira, cerca de 3 milhões de homens. "É um público restrito, mas representa 23% do consumo no País, o equivalente a R$ 220 bilhões", diz o consultor Luiz Fernando Goes, responsável pela pesquisa.

Perfil ¿ O homem-órfão, por exemplo, que representa 32% dos entrevistados, vive predominantemente na região Sudeste e tem algumas características marcantes no perfil semiótico. "Ele é mais machão, rotineiro no trabalho, egocêntrico na vida afetiva", descreve Goes.

Geralmente é jovem, na faixa de 18 a 35 anos, suscetível a produtos que demonstrem qualidade, marquem presença, mas que não sejam extravagantes. "Ele é inseguro, por isso valoriza marcas exclusivas, que sejam sedimentadas e que identifiquem sua presença."

Já o consumidor enquadrado no perfil meta-homem é mais propenso a escolher grifes tradicionais, mas com arrojo, que ofereçam serviços, transmitam cultura, tecnologia e que atendam a ambos os sexos. É o homem maduro, com tendência a trabalhar mais do que a média e a absorver mudanças. Ele valoriza também a informação, é um gourmet e na postura pessoal, destaca a família. "Prefere multi-marcas e seu consumo está baseado na relação custo-benefício", explica Goes.

E finalmente, o homem refil, que é despreocupado, mas competitivo no trabalho. É ele que melhor convive com a ascensão da mulher e valoriza o lazer. "É um público aberto às grifes esportivas, por exemplo. Mas é também inseguro, valoriza a opinião dos amigos. Embora goste de comprar, não é fiel à marcas."


Destaques da Loja Virtual
LOJA DE SOM AUTOMOTIVO

Este perfil tem como finalidade apresentar informações básicas a respeito da abertura de uma Loja de Som Automotivo. Serão abordados assuntos relacion...

De R$8,00
Por R$6,00
Desconto de R$2,00 (25%)