SEBRAE/SC - Artigos para MPE's

 
  Data Inclusão: 28/08/2006
Autor: Diário do Comércio
Fonte: Diário do Comércio

Tendência: uma nova estratégia para cativar os clientes

Para aumentar a divulgação de seus produtos, empresas têm caprichado em revistas próprias. Essas edições, geralmente distribuídas gratuitamente aos clientes, vêm recheadas de dicas, receitas, entrevistas com profissionais da área, enfim tudo que possa interessar ao leitor/consumidor. Construtora de imóveis, indústria de cosméticos, loja de roupas, drogaria, supermercado, ninguém quer ficar de fora dessa mídia.

Com 2 milhões de exemplares impressos por mês, a revista do supermercado CompreBem, uma das bandeiras do Grupo Pão de Açúcar (que também tem sua revista), é um sucesso editorial. As 44 páginas da publicação são voltadas para a consumidora da classe C, com ofertas de xampus e condicionadores de um lado e dicas de como a mulher deve lavar e secar os cabelos sem danificá-los do outro. Segundo o gerente de marketing do CompreBem e idealizador da revista, Vinicius Silva Danieli, o objetivo não é empurrar um produto, mas fazer com que o "dinheiro da cliente renda e dure até o fim do mês".

A revista, produzida pela Editora Abril, traz todo mês prestação de serviço ¿ alimentação correta dos filhos, cuidados com o cachorro, dicas de economia ¿, entrevista com um artista (a estrela deste mês é Marília Pera) e até um concurso de receita, com direito à publicação da foto da autora. "Elas (clientes) enlouquecem. A revista praticamente some do supermercado", diz Danieli. Apesar de ter nascido em 2004, somente neste ano a revista começou a vender espaço para anunciantes. Recentemente, uma empresa foi contratada para fazer a comercialização dos anúncios.

Dicas ¿ Didi, a consultora virtual da Drogaria Iguatemi, responde às dúvidas mais freqüentes dos clientes por meio de matérias publicadas na revista da empresa, a DI. Trimestral, com tiragem de 14 mil exemplares, a publicação de 78 páginas tem um formato diferente (o tamanho é um pouco maior que a média), gramatura mais pesada e é distribuída nos três endereços da drogaria. Segundo Leonardo Jorge Diniz, diretor e idealizador da revista, a maior dificuldade foi achar uma editora que acreditasse no projeto. "A maioria só pensava no lucro." No final, a escolhida foi a Cusman.

O retorno, ele diz, é excelente. Clientes arrancam a página da revista e vão à drogaria atrás de determinado produto. Isso quando não aparecem com a DI inteira debaixo do braço. A publicação dá dicas de tendências para os homens e faz campanhas do tipo compre duas unidades de tal produto e ganhe um "presente".

Os anunciantes são parceiros da Drogaria Iguatemi. O investimento da empresa varia de edição para edição, de acordo com Diniz. Em média, há um aumento de 30% na venda dos produtos que estão na revista. Esse número, em alguns casos, chega a 60%.


Destaques da Loja Virtual
LOJA DE ARTESANATO

Este perfil tem como finalidade apresentar informações básicas a respeito da abertura de uma Loja de Artesanato. Serão abordados assuntos relacionados...

De R$8,00
Por R$6,00
Desconto de R$2,00 (25%)