SEBRAE/SC - Artigos para MPE's

 
  Data Inclusão: 25/07/2007
Autor: Egnaldo Paulino - Consultor Sebrae/SP
Fonte: Site do Empreendedor

Inovação ou Recomeço

O que pode haver em comum entre uma pequena relojoaria do José da Silva, na pequena cidade do interior paulista, com a gigante de tecnologia Apple de Steve Jobs.

Explico, a Apple nos últimos dez anos apresentava-se como uma fabricante de computadores debilitada. Com prejuízos seguidos, e seu principal produto, o Macintosh, era vendido apenas para designers ou apaixonados por tecnologia.

Neste período a empresa passou de obsoleta a vanguardista, de companhia de nicho a fabricante de produtos de massa, de marca enfraquecida a ícone de modernidade e sucesso. Inclusive, deixou de chamar Apple Computer, para chamar-se apenas Apple.

Nestes últimos seis anos, entre 2001 e 2007, a Apple lançou apenas dois grandes produtos: o ipod e o iphone. O primeiro transformou a história da empresa. O segundo é uma promessa que vem balançando o mercado. Tornou-se objeto de desejo, seis meses antes de chegar às prateleiras das lojas.

Do mesmo modo, a antiga relojoaria do Sr José da Silva, passava por dificuldades financeiras e seus clientes desapareceram. O seu principal produto, o relógio, não necessita mais de consertos.

Foi quando Sr José da Silva, percebeu que deveria fazer algo, ou seu negócio que herdou de seu pai iria fechar as portas. Então ele teve a idéia de ir à capital, São Paulo, e descobrir o que há de novo para ser oferecido aos seus clientes.

Quando retornou a sua cidade trouxe na mala diversos produtos, porém nem um deles era relógio. Entre os vários produtos que trouxe, pode se destacar pelo sucesso de vendas, foram às capas para telefones celulares, jogos de vídeo game, DVD de filmes em promoção, etc.

O sucesso foi tanto que as capas dos celulares acabaram na primeira semana. Com isso, ele observou que havia um novo mercado para ser explorado na sua cidade.

Ele retornou novamente a São Paulo, e dessa vez trouxe na bagagem telefones celulares usados para serem vendidos. Agora estava vendendo, trocando e consertando celulares, pois observou que seus clientes estavam ávidos por esse tipo de serviço.

Estas duas histórias nos traz uma lição, que pode ser seguida por empresas de todos os setores, tamanhos e origens. Precisamos ousar e inovar buscando sempre o que os consumidores querem, com isso a empresa estará focada no mercado de consumo.

Da pequena relojoeira só sobrou o nome, para lembrar o seu passado.


Destaques da Loja Virtual
LOJA DE CARROS

Este perfil tem como finalidade apresentar informações básicas a respeito da abertura de uma Loja de Carros. Serão abordados assuntos relacionados ao ...

De R$8,00
Por R$6,00
Desconto de R$2,00 (25%)