SEBRAE/SC - Artigos para MPE's

 
  Data Inclusão: 12/11/2002
Autor: Valor Online
Fonte: Valor On-line

Preste atenção nos vampiros corporativos

Preste atenção ao seu companheiro na mesa ao lado. Ele não precisa ter dentes afiados para sugar uma coisa preciosa: sua motivação.

Eles saíram das telas de cinema e podem estar ao seu lado, no escritório. Personagens dos filmes de terror, os vampiros, figuras tradicionais do inconsciente humano, agem de forma sedutora, tomam sua vítima nos braços para sugar o que ela tem de mais vital: o sangue.

No mundo corporativo, eles vestem-se normalmente, têm família, plano de carreira, dominam a linguagem da computação e participam das reuniões de trabalho. A diferença é o seu objeto do desejo: os vampiros corporativos sugam sua motivação.

Por se alimentarem de um elemento tão sutil, fica difícil detectá-los, embora os efeitos de seus ataques sejam facilmente sentidos pelas vítimas: dores de cabeça, irritação, perturbação emocional, sonolência, falta de iniciativa, queda no desempenho, alterações gástricas, etc.

Um vampiro de motivação é uma pessoa que está em profundo desequilíbrio interno. Frustração, baixa auto-estima, ressentimento, complexo de perseguição e de vítima, insegurança, e, acima de tudo, a inveja e o egoísmo.

Para afugentá-los, a melhor tática é a segurança interior, acreditar em si mesmo. Inovar, acreditar, mudar, tomar atitude e querer são palavras que devem fazer parte do nosso vocabulário. Sem esquecer do principal " nunca deixar de ter objetivos " . Assim o vampiro deixará de ser um bicho-papão. Não entre na onda da negatividade que está no ar, fuja das conversas fiadas, e, por fim, conheça-se muito bem. Se você sabe os seus pontos fracos, pode mapear por onde o vampiro tentará o ataque. Cuidar da saúde, da vitalidade física e do equilíbrio mental e emocional ajudará a ser motivado e menos vulnerável a fofocas e contendas.

Descubra o vampiro que está a seu lado e divirta-se, afinal, o bom humor é a melhor defesa!

Cobrador - Cobra sempre, de tudo e de todos. Quando nos encontramos com ele, quer logo saber porque não lhe telefonamos ou o visitamos. Se você vestir a carapuça e se sentir culpado, estará abrindo as portas. O melhor a fazer é cobrar de volta e perguntar " sorrindo " por que ele não liga ou parece.

Crítico - Só sabe criticar, tudo e todos. Suas observações são negativas e destrutivas. Vê a vida somente pelo lado sombrio. Suas críticas nunca são construtivas e sim destrutivas. Diga " não " a suas críticas. Nunca concorde com ele. A vida não é tão negra assim.

Adulador - É o famoso puxa-saco. Adula o ego da vítima, cobrindo-a de elogios falsos. Muito cuidado para não dar ouvidos, ele simplesmente espera que o orgulho da vítima abra as portas para sugar sua motivação.

Reclamador - É aquele tipo que reclama de todos, da vida, do governo, do cônjuge e/ou namorado, do tempo, do trabalho, do chefe. Opõe-se a tudo, exige, protesta sem parar. E o mais engraçado é que nem sempre dispõe de argumentos sólidos e válidos para justificar seus protestos. A melhor tática é deixá-lo falando sozinho.

Inquisidor - Sua língua é uma metralhadora. Dispara perguntas sobre tudo e não dá tempo para que a vítima responda. Na verdade ele não quer respostas e sim desestabilizar o equilíbrio da vítima. Para cortar seu ataque, faça a ele uma pergunta bem pessoal e contundente, e procure se afastar o mais rápido possível.

Lamentoso - É o lamentador profissional, que anos a fio chora suas desgraças. Geralmente ataca pelo lado emocional e afetivo. Chora, lamenta-se, faz de tudo para despertar pena. É sempre o coitado, a vítima. Só há um jeito de tratar este vampiro: corte suas asas! Acabe com suas lamentações, dizendo que não gosta de queixas, porque elas não resolvem situação alguma.

Pegajoso - Investe contra as portas da sensualidade e sexualidade da vítima. Parece um polvo querendo envolver a pessoa com seus tentáculos. Se você não escapar rápido, ele irá sugar sua motivação. Conseqüentemente você ficará desestabilizado e, portanto, vulnerável.

Grilo-falante - A porta de entrada que ele arromba é o seu ouvido. Fala durante horas e enquanto mantém a atenção da vítima ocupada, suga sua motivação. Para livrar-se dele, levante e vá embora.

Hipocondríaco - Cada dia aparece com uma doença nova. Desse jeito chama a atenção dos outros, despertando preocupação e cuidados. Descreve diariamente seus males e conta seus infindáveis sofrimentos, rouba a motivação e auto-estima do ouvinte.

Encrenqueiro - Para ele, o mundo é um campo de batalha. Quer que a vítima compre a sua briga, provocando nela um estado raivoso, irado e agressivo. Não dê espaço para a agressividade, mantenha a calma e corte laços com este vampiro.

Você pode ser ou estar ao lado de vampiros. Lembre-se que seu querer é tudo, tome atitude hoje, inove e conseqüentemente você será outra pessoa. Não deixe para amanhã o que você pode fazer hoje! Agora! Sua vida mudará instantaneamente! " A Terra é azul! " Acredite!

*Alessandra Robles é consultora da Dow Right Consultoria em RH


Destaques da Loja Virtual
AÇÃO EMPREENDEDORA

Este livro tem o objetivo de apresentar, de forma simples e direta, o que existe de melhor a respeito de ação empreendedora para que você tenha êxito ...

R$28,00