SEBRAE/SC - Artigos para MPE's

 
  Data Inclusão: 27/01/2005
Autor: Diário do Comércio
Fonte: Diário do Comércio

Marketing de relacionamento para fidelizar clientes

Estratégia de reunir clientes em eventos mais descontraídos cresce entre as empresas. Pequenos também podem adotar prática.

Entretenimento para melhorar a relação com o cliente. A estratégia, chamada de "marketing de relacionamento", é uma ferramenta cada vez mais importante para fidelizar e motivar clientes, fornecedores e funcionários. E vem sendo adotada por um número cada vez maior de empresas. Para a executiva Riane Pontarelli, da empresa especializada em marketing de relacionamento Incentive House, a rentabilidade é uma das principais vantagens da modalidade, já que a manutenção de um cliente é mais barata do que a aquisição de um novo. Além das grandes, as pequenas empresas também podem realizar eventos de relacionamento sem grandes custos. Basta usar a criatividade.

Regatas - A Yavox , de integração de soluções para o mercado de transmissão de dados por telefonia celular, conseguiu inovar nesse sentido. A empresa está organizando um campeonato de regatas de vela disputado por clientes, parceiros e funcionários. A iniciativa, criada para aumentar a integração entre as partes envolvidas, visa recuperar clientes, manter os atuais e conquistar novos parceiros.

Os primeiros resultados já são comemorados. "No dia-a-dia dos negócios, não dá tempo de conhecer as pessoas por trás dos cargos. Nesse sentido, o evento foi e está sendo muito proveitoso, pois conseguimos juntar na mesma equipe gerentes de operadoras de telefonia e cartão de crédito concorrentes", diz o presidente da Yavox, Andreas Blazoudakis.

O início - A idéia do marketing sobre as águas surgiu em 2000, quando o executivo trocou seu veleiro por três similares menores. "Como a empresa atua no ramo de transmissão de dados sem fios, resolvemos descobrir uma maneira de nos relacionarmos com nossos clientes na qual remetesse a idéia de liberdade, sem fios par nos prender", conta Blazoudakis. Para o executivo, a vela requer colaboração do grupo, harmonia e habilidades como iniciativa, colaboração e agilidade.

Das seis etapas previstas, duas já foram realizadas no Yatch Club Paulista, com cerca de 25 participantes. "A competição foi muito saudável e, pessoas que antes não tinham nenhuma abertura, saíram abraçados das velas", lembra Blazoudakis. Cada dia de evento custou cerca de R$ 25 mil.

Sapucaí - A Johnson & Johnson também usou da criatividade para estreitar o relacionamento com seus clientes. A empresa comprou 11 camarotes na Marquês de Sapucaí / RJ, além de uma ala inteira da escola de samba Imperatriz Leopoldinense. Foram beneficiados 132 clientes que atingiram objetivos como o crescimento das vendas.

Para o diretor de vendas da Johnson, José Vicente Marino, a convivência em ambientes descontraídos é fundamental para a motivação e o bom relacionamento no mundo dos negócios. A campanha para a escolha dos clientes durou seis meses e nesse período as vendas totais aumentaram 5%.

Pequenos - Não são apenas as grandes empresas, com capital maior, que podem promover eventos de marketing de relacionamento. Para Riane, é importante adequar o investimento e levar em consideração os objetivos da empresa. "É possível traçar estratégias de relacionamento com os mais variados investimentos. Se a intenção é levar os clientes para conhecer a empresa, um almoço é uma ótima opção. Além disso, cartões de aniversário, mensagens por e-mail, entre outros, podem conseguir bons resultados", diz.


Destaques da Loja Virtual
LOJA DE CARROS

Este perfil tem como finalidade apresentar informações básicas a respeito da abertura de uma Loja de Carros. Serão abordados assuntos relacionados ao ...

De R$8,00
Por R$6,00
Desconto de R$2,00 (25%)