Oportunidades de Negócios

 
  Data Inclusão: 20/03/2006
Autor: Jornal do Commércio

Baixo investimento, retorno rápido

Prazo de 24 a 36 meses é o ideal para recuperar o aporte inicial

As vantagens do franchising para os empreendedores já são conhecidas: suporte gerencial, treinamento dos funcionários, controle de estoque, entre outras. Além disso, como em todos os negócios, o tempo de retorno do investimento também é fator importante. Nas franquias, normalmente, o tempo de retorno é calculado e informado pelo franqueador. Ao analisar esse quesito, porém, o candidato a franqueado deve tomar certos cuidados. O primeiro é checar se o tempo de retorno calculado leva em consideração os gastos com o pró-labore do empreendedor, impostos e o ponto comercial.

Especialistas consideram o prazo de 24 a 36 meses um bom tempo de retorno. A rede de churrascarias Montana Grill, no formato de loja expressa, se enquadra no perfil. A Sorvete Itália, com 20 meses de prazo de retorno, também agrada aos empreendedores. O retorno de investimento da Uncle K, loja de acessórios, ocorre em tempo menor: 18 meses. Já o Instituto Embelleze calcula entre 16 e 24 meses o retorno do capital investido. Kumon (ramo de ensino), com nove meses, Hermes e O Rei dos Catálogos (ambas de venda de produtos por catálogos), com meio ano, estão entre as opções com retorno mais rápido.

Segundo o diretor-executivo da Associação Brasileira de Franchising (ABF), Ricardo Camargo, há quem desconsidere certos custos na estimativa do tempo de retorno. Isso acaba fazendo com que esse prazo caia, o que pode confundir o candidato na hora da escolha. Para ter certeza, o empreendedor deve entrar em contato com franqueados que já estão no mercado. Camargo afirma que o tempo de retorno de dois a quatro anos pode ser considerado rápido. Entretanto, esse tempo deve ser avaliado em relação ao valor do investimento. Quem investe valores muito vultosos deve estar ciente de que o retorno é mais demorado.

Marcas novas podem ter resultados no curto prazo
De forma análoga, quanto menor o valor do investimento, maior é a tendência de que o retorno ocorra rapidamente. Mas não é só o baixo investimento que conta: as marcas que aparecem no mercado como novidades também podem gerar lucro mais rapidamente. As que têm tradição e público certo também costumam gerar retorno acelerado. Contudo, quando a franquia deixa de ser uma novidade e o número de unidades começa a crescer, a tendência é que o tempo de retorno do investimento aumente. Muitas, por exemplo, dão ao investidor retorno em nove ou dez anos.

Mesmo que o investimento seja vultoso, nem sempre o retorno demora. É o caso das lojas express do Montana Grill, onde são vendidos pratos prontos com carnes de churrasco. De acordo com Breno Bromberg, gerente de expansão da rede paulistana, o retorno acontece entre 25 e 30 meses. "Antes de assumir o negócio, os candidatos sempre querem saber o prazo", comenta Bromberg, afirmando que na estimativa estão considerados, além do faturamento, custos fixos como a compra de produtos, folha de pagamento, despesas com terceiros, contas de consumo etc.

Com loja no Botafogo Praia Shopping, Zona Sul do Rio de Janeiro, Carlos Alberto Camero é um dos 49 franqueados do Montana Grill. O empresário nunca havia comandado negócio próprio. "Esperamos recuperar o investimento dentro do tempo previsto", comenta Camero, que abriu as portas em outubro de 2004. Para ele, a empatia dos garoto-propaganda da marca, a dupla sertaneja Chitãozinho e Xororó, ajuda os negócios.

Nascido na cidade maravilhosa, o Sorvete Itália conta com 16 franquias no estado do Rio 14 delas na capital , e tem chamado a atenção dos empreendedores pelo prazo de retorno convidativo: 20 meses. A gerente de franquia, Simone Vianna, ratifica que esse quesito pesa na escolha dos candidatos. À frente de um quiosque de 8 metros quadrados no Shopping da Gávea, Rio, Marcelo Bôscoli começou em janeiro deste ano e considera o prazo de retorno satisfatório. "O investimento não é elevado e a aceitação dos produtos é muito boa. A expectativa é de que o retorno aconteça em 16 meses", revela Bôscoli.

Já conhecido no mercado, o Instituto Embelleze, que nasceu em Nova Iguaçu, no estado do Rio, e oferece cursos profissionalizantes na área de beleza, além de salão e comercialização de produtos, tem hoje 130 unidades franqueadas, sendo 22 delas no Rio de Janeiro. Segundo o master-franqueado do Rio, Carlos Roca Ortega, o franqueado precisa desembolsar entre R$ 79 mil a R$ 288 mil. O prazo de retorno ocorre entre 16 e 24 meses. A preocupação com o retorno do investimento interessa a todos, mas é mais comum em um certo grupo de pessoas. "Normalmente, quem procura se informar são os que têm nível de formação mais elevado, com experiência em áreas como administração e economia", explica Roca.

Até que o retorno do investimento ocorra, a Embelleze orienta os franqueados a não perderem o foco nas despesas operacionais, contratar pessoas com salários adequados e aumentar as remunerações dos empregados apenas quando houver acréscimo de receita. Além disso, o investimentos em expansão deve ser gradativo.

Na Uncle K, de bolsas, calçados e acessórios, a gerente de franquias, Juliana Machado, explica que o cálculo do prazo de retorno (de 24 meses) é feito levando-se em consideração os custos fixos e variáveis, incluindo os tributos. "Não deixamos nada de fora, nem a depreciação das instalações", arremata Juliana. Proprietária da unidade da Uncle K de Niterói, desde 2002, Fernanda Salles conheceu a empresa como consumidora. O retorno do investimento ocorreu antes do previsto. Após oito meses da abertura da unidade, a empresária abriu outra loja, em Búzios. No ano seguinte, conseguiu chegar também a Juiz de Fora. "O retorno foi tão rápido que consegui abrir as outras duas lojas sem colocar capital extra", comenta.

Começar em casa contribui para recuperação rápida
Geralmente, negócios que requerem baixos investimentos têm retorno mais acelerado. É o caso do Kumon, de ensino de matemática, português, inglês e japonês. O método de ensino individualizado surgiu em 1958, no Japão, criado pelo professor de matemática Toru Kumon. O gerente de expansão da rede, Dimas Tadeu Silva, reforça que o investimento de R$ 5 mil a R$ 8 mil é o que possibilita o retorno após 9 meses. No Brasil existem 2,2 mil franqueados da rede, que tem sede em São Paulo. O sucesso do negócio chegou a alguns países da América Sul: Argentina, Chile, Colômbia e Peru.

Por terem investimento inicial acessível, as franquias de vendas de produtos por catálogo são uma alternativa. No caso da Hermes, o candidato precisa aplicar somente R$ 5 mil, o que inclui a montagem de um escritório padronizado onde as revendedoras fazem os pedidos e de onde partem as solicitações para o centro de distribuição da empresa. "O franqueado não precisa gastar com estoque e o escritório pode ser montado em casa mesmo", comenta o diretor de Marketing, Gustavo Bach, reforçando que o retorno se dá em seis meses.

Atuando de forma semelhante, a empresa O Rei dos Catálogos, de São Paulo, iniciou o sistema de franchising há dois anos. Segundo a sócia, Márcia Marisa Cavalheira, a principal vantagem para o franqueado é que não existe necessidade de investir em estoque.

Raio X

Montana Grill Express

- Negócio: churrascaria express
- PRAZO DE RETORNO: 25 a 30 meses
- Investimento inicial: R$ 270 mil
- Taxa de franquia: R$ 40 mil (incluídos no investimento inicial)
- Taxa de royalties: 5% sobre o faturamento bruto
- Taxa de publicidade: 1% sobre o faturamento bruto
- Capital de giro: a partir de R$ 10 mil (incluídos no investimento inicial)
- Faturamento médio mensal: R$ 85 mil
- Área: a partir de 35 metros quadrados
- Número de funcionários: 15
- Risco: alto, pois a marca ainda não é conhecida em algumas regiões e o investimento inicial é alto.

Sorvete Itália

- Negócio: sorveteria
- PRAZO DE RETORNO: 20 meses
- Investimento inicial: R$ 75 mil a R$ 105 mil
- Taxa de franquia: R$ 15 mil para quiosques e R$ 25 mil para lojas (incluídos no investimento inicial)
- Taxa de royalties e publicidade: 3 salários mínimos/mês
- Capital de giro: a partir de R$ 5 mil (incluídos no investimento inicial)
- Faturamento médio mensal: R$ 40 mil
- Área: a partir de 25 metros quadrados
- Número de funcionários: 8
- Risco: médio, ainda que o nome seja forte, a sazonalidade representa um entrave.

Instituto Embelleze

- Negócio: cursos e venda de produtos de beleza
- PRAZO DE RETORNO: 16 a 24 meses
- Investimento inicial: R$ 79 mil a R$ 288 mil
- Taxa de franquia: R$ 19 mil a R$ 55 mil (incluídos no investimento inicial)
- Taxa de royalties: 8% sobre o faturamento bruto
- Taxa de publicidade: 2% sobre o faturamento bruto
- Capital de giro: a partir de R$ 14 mil a R$ 29 mil (incluídos no investimento inicial)
- Faturamento médio mensal: R$ 88 mil
- Área: 230 a 360 metros quadrados
- Número de funcionários: 6 a 26
- Risco: médio. O aporte é alto, mas a marca é forte.

Uncle K

- Negócio: venda de bolsas, calçados e acessórios
- PRAZO DE RETORNO: 24 meses
- Investimento inicial: R$ 120 mil a R$ 165 mil
- Taxa de franquia: R$ 20 mil (inclusa no investimento inicial)
- Taxa de royalties: 20% sobre a compra de produtos
- Taxa de publicidade: 2% sobre o faturamento bruto
- Margem de lucro: 5,5% a 8,5% do faturamento bruto
- Faturamento médio mensal: R$ 40 mil
- Área: 40 a 60 metros quadrados
- Risco: médio. O setor enfrenta concorrência de artesãos e empresas informais.

Kumon

- Negócio: ensino individual de matemática e idiomas
- PRAZO DE RETORNO: 9 meses
- Investimento inicial: R$ 5 mil
- Taxa de franquia: R$ 1,3 mil
- Taxa de publicidade: não cobra (publicidade depende do franqueado)
- Taxa de royalties: 40% sobre as mensalidades
- Faturamento médio mensal: R$ 5 mil
- Margem de lucro: 30% sobre o faturamento bruto
- Número de funcionários: o próprio empreendedor, mais um auxiliar para cada 40 alunos
- Área: 25 metros quadrados
- Risco: baixo, se for implantando em espaço domiciliar, o que não acarreta em gastos com o ponto.

O Rei dos Catálogos

- Negócio: venda por catálogo
- PRAZO DE RETORNO: 6 a 10 meses
- Investimento inicial: R$ 14 mil a R$ 25 mil
- Taxa de franquia: R$ 6 mil a 15 mil (incluídos no investimento inicial)
- Taxa de royalties: R$ 300 mensais
- Taxa de publicidade: não cobra
- Capital de giro: a partir de R$ 5 mil (incluídos no investimento inicial)
- Faturamento médio mensal: R$ 30 mil
- Área: 40 a 80 metros quadrados
- Número de funcionários: 5
- Risco: baixo, devido ao investimento acessível.

Hermes

- Negócio: venda por catálogo
- PRAZO DE RETORNO: 6 meses
- Investimento inicial: R$ 5 mil
- Taxa de franquia: R$ 100 a R$ 1 mil (incluídos no investimento inicial)
- Taxa de royalties: não cobra
- Taxa de publicidade: não cobra
- Capital de giro: a partir de R$ 5 mil
- Faturamento médio mensal: R$ 50 mil
- Área: a partir de 15 metros quadrados
- Número de funcionários: 2
- Risco: baixo, pois o investimento é pequeno.
- Fonte: Haroldo Caser, do Sebrae

Serviço

- ABF, 0xx-11-3814-4200
- Hermes, 0800-26-7000
- Instituto Embelleze, 0xx-21-2493-7722
- Kumon, 0xx-11-3059-3700
- Montana Grill, 0xx-11-3709-3709
- O Rei dos Catálogos, 0xx-11-3699-5680
- Sebrae/RJ, 0800-78-2020
- Sorvete Itália, 0xx-21-2239-1396
- Uncle K, 0xx-21-3860-7893

Fonte: Jornal do Commércio


Destaques da Loja Virtual
TURISMO ESPORTIVO - V.3

O turismo esportivo é um produto que vem tomando significativo impulso nas últimas décadas, sendo assim, neste livro será abordado algumas vantagens, ...

R$10,00