Carrinho
Seus carrinho está vazio!
;) Escolher produtos
Empreendedorismo
28 jan. 2015

As lições do Carnaval para as empresas

Por mais que pareça uma bagunça generalizada o Carnaval possui uma estrutura organizacional incrível. Da festa é possível extrair importantes lições de administração.

Antes de sair para rua é preciso planejar: Qual o tema? Como serão divididas as funções? Como serão captados os recursos para a produção? Assim também funciona o plano de negócios para iniciar um empreendimento. No desfile, harmonia e evolução não dão pontos apenas às escolas de samba, elas também são fundamentais para o sucesso de qualquer negócio. É preciso saber dividir as funções, alinhar valores, unificar metas e trabalhar para que suas equipes cantem sempre a mesma música. O samba atravessa, na avenida, quando as pessoas da comissão de frente cantam uma parte da composição enquanto a ala das baianas recita outro verso. Vemos isso cotidianamente nas empresas. Um departamento empolgado, atuando de acordo com o discurso da inovação, enquanto outro ainda recita velhas regras operativas. As escolas de samba são empresas que possuem ciclos produtivos a cada ano. Assim que um carnaval chega ao fim, outro já está sendo engatilhado para que no ano seguinte seu produto final, ou seja, o desfile esteja com uma cara completamente nova. Saber se reinventar deve ser também uma virtude das companhias. O empresário deve lembrar da velha máxima “escola unida, vence unida”. O objetivo deve ser chegar até o final da avenida, no tempo e de acordo com as regras estabelecidas, da forma mais próxima ao impecável e grandiosa.
Deseja deixar um comentário, ou perguntar algo para o Sebrae? Você precisa estar logado para comentar ou perguntar! Cadastre-se ou faça seu login!