Carrinho
Seus carrinho está vazio!
;) Escolher produtos
Setores
Apicultura
Comércio varejista
Turismo
Calçados femininos
Leite e derivados
Sustentabilidade
Confecções e acessórios
Sistema de Inteligência Setorial
Vestuário
Móveis e decoração
02 out. 2017

Os impactos da gestão da água no seu negócio

A sua empresa consegue ficar sem água durante 24 horas? A escassez hídrica impacta vários segmentos de negócios, como: hotéis, pousadas, lavanderias, lava-jatos, bares e restaurantes, entre outros. O uso ineficiente, a poluição e a exploração inadequada de aquíferos têm comprometido o abastecimento. Impactos gerados pela falta de água A falta de água também compromete a distribuição de energia elétrica, além das produções agropecuária, industrial e alimentícia, o que gera impactos negativos na economia e nos negócios. Países do mundo inteiro têm desenvolvido medidas para evitar que as consequências desse processo sejam tão desastrosas ou mesmo irreversíveis. A Austrália, por exemplo, investiu cerca de seis bilhões de reais em infraestrutura no combate a vazamentos. Uso racional de água nos pequenos negócios O Sebrae oferece serviços tecnológicos ambientais com foco na redução do consumo de água, utilizando técnicas de reuso e de aproveitamento de água de chuva. Como lidar com a falta de água? 1 - Compreenda a importância da água e conscientize sua equipe – além de você, toda a sua equipe também precisa estar ciente da importância de garantir uma boa gestão hídrica. 2 - Melhore suas instalações e utilize equipamentos mais eficientes – é preciso entender os dados da sua conta de água para saber o porquê dos gastos e adotar os recursos adequados para corrigir o problema. 3 - Monitore sua própria gestão e garanta que seus esforços funcionem – o SAVEh – Sistema de Autoavaliação de Eficiência Hídrica é uma plataforma gratuita, oferecida pela Ambev, que permite a outras empresas avaliar sua própria eficiência. Inspire-se! Confira estratégias já colocadas em prática por algumas empresas. Restaurante Sí Señor: Uma filial da empresa no bairro do Tatuapé, em São Paulo, adotou um sistema para armazenar a água produzida pelos aparelhos de ar condicionado. Cada aparelho produz 8 litros de água por hora para manter a temperatura interna dos ambientes. No final do expediente, as cinco máquinas da loja somam 400 litros de água, que são reaproveitados para lavar pisos e regar plantas. A ideia fez tanto sucesso que vai ser expandida para disponibilizar água de reuso para lavar calçadas e para as descargas de banheiro, além do que vai ser repetida nas outras unidades da rede. Quer saber mais sobre como fazer a gestão da água da forma correta na sua empresa? Baixe o Boletim de Tendência do SIS Sebrae, é gratuito!
Deseja deixar um comentário, ou perguntar algo para o Sebrae? Você precisa estar logado para comentar ou perguntar! Cadastre-se ou faça seu login!