Carrinho
Seus carrinho está vazio!
;) Escolher produtos
Empreendedorismo
11 abr. 2022

Quem são as empreendedoras catarinenses em destaque na tecnologia e inovação?

Apesar de enfrentarem diversos obstáculos, as mulheres estão ganhando cada vez mais espaço no mundo da tecnologia, seja atuando como profissionais ou como donas do seu próprio negócio.

Atualmente, diversas empresas e startups do setor tecnológico estão atentas à importância da representatividade de gênero e têm buscado meios para capacitar suas colaboradoras mulheres como líderes, contribuindo dessa forma com o fortalecimento da presença de mulheres na tecnologia.

Esse desenvolvimento da liderança feminina já faz parte da realidade de gigantes do setor, como Paypal e Microsoft. Essas práticas inspiram outras empresas a replicarem iniciativas para a equidade de gênero, criando um ciclo de desenvolvimento positivo para as mulheres do setor.

Um outro fator que faz com que o número de profissionais no mercado tech aumente a cada ano é que muitas mulheres do segmento vencem desafios, apostam no empreendedorismo e se destacam nas suas áreas de atuação. As gerações que cresceram com tecnologia ao seu alcance não veem as mesmas barreiras para empreender e têm mais familiaridade com a inovação. São instigadas a desenvolverem as suas ideias dentro de plataformas ou criarem a sua própria solução de empreendedorismo e inovação.

O universo das startups é reconhecido por precisar de baixo investimento para a criação de um MVP (Minimum Viable Product, ou Produto Mínimo Viável). Além disso, esse segmento possui muita flexibilidade na forma de trabalhar para atingir esse resultado. Essas facilidades são atrativas para que mulheres comecem a empreender com soluções tecnológicas. Em um mundo hiper conectado, as soluções podem servir a qualquer setor, desde sistemas de segurança e monitoramento até nanotecnologia, modernização de atendimento ou onde mais tiver um problema que a capacitação, o conhecimento e a inovação feminina possam solucionar.

Mulheres na Tecnologia

Não é de hoje que as mulheres, apesar de em número menor, ocupam um papel de destaque na tecnologia. Talvez o nome mais icônico sobre a presença feminina nesse setor seja o de Ada Lovelace, uma condessa e matemática inglesa que viveu no século XIX. Ela é reconhecida por ter escrito o primeiro algoritmo para ser processado por uma máquina, isso entre 1842 e 1843! Ada é considerada, portanto, a primeira programadora da história. Uma trajetória inspiradora que trilhou um legado relevante para as mulheres até hoje.

Catarinenses na tecnologia

No estado, este legado está muito bem representado. Nas últimas décadas Santa Catarina tem se destacado na tecnologia e as mulheres não ficam de fora desse protagonismo. O Sebrae Delas Mulher de Negócios está atento a esse segmento e conta com embaixadoras importantes para a representatividade feminina na tecnologia.

Veja a trajetória de sucesso de algumas de nossas embaixadoras e parceiras que se destacam no cenário da tecnologia em Santa Catarina.

Betina Zanetti Ramos, da Nanovetores Group

Sócia, fundadora e na presidência da Nanovetores, uma empresa inovadora de Florianópolis que atua na nanotecnologia, desenvolvendo ingredientes ativos nano e microencapsulados para o uso da indústria cosmética, de nutrição e farmacêutica. Uma empresa comprometida com sustentabilidade e inovação.

Betina fundou o negócio, junto com o marido, em 2008. E desde então a Nanovetores construiu uma história de reconhecimento e crescimento com diversos prêmios, certificações e presença internacional. Mas a carreira de sucesso da Betina vem sendo trilhada desde muito antes. A empreendedora possui dois doutorados, nove patentes sobre tecnologia e mais de quinze artigos internacionais publicados. Ela é embaixadora do Sebrae Delas Mulher de Negócios.

Sílvia Marafon, CEO e Conselheira

A trajetória de Sílvia se confunde com a de muitas mulheres. Mãe aos 16 anos, ela precisou trabalhar desde muito cedo para sustentar a casa e o filho. Começou como recepcionista e chegou a CEO na Cianet, uma empresa de tecnologia de Florianópolis que atua no mercado de telecomunicações.

Uma história que envolve muita superação pessoal e coragem para conquistar posições em um mercado tradicionalmente masculino. Ela começou no setor de tecnologia na empresa AltoQI, empresa de desenvolvimento de software no mercado da construção civil. Já na Cianet construiu uma trajetória exemplar que lhe conferiu o cargo de CEO, patamar na carreira dificilmente conquistado por mulheres. Mas não para por aí, hoje ela é conselheira na Leonora Comércio Internacional LTDA, conselheira do Instituto Capitalismo Consciente SC e membro do comitê de Ética e compliance na Way2.

Certificada pelo Instituto Brasileiro de Governança Cooperativa; Mentora de startups e nas áreas de gestão e liderança; Mentorada no Programa de Diversidade em Conselho concebido pelas equipes: B3, IBGC, IFC, Spencer Stuart e WCD; Membro do Grupo Mulheres do Brasil e Embaixadora do Sebrae Delas Mulher de Negócios Santa Catarina.

Alline Goulart, sócia Semente Negócios

A Semente Negócios é uma empresa que entende que inovar é uma ferramenta de transformação. Alline, além de sócia, é diretora de operações dessa startup, que desenha projetos e programas em inovação. Para este ano, o foco da empresa é em parcerias que contemplem a diversidade, como o Sebrae Delas Mulher de Negócios, em que a Semente é responsável pela execução metodológica do Programa.

O Sebrae Delas apoia a inovação entre mulheres

Assim como os programas de diversidade dentro das empresas, existem diversas iniciativas externas que fomentam o empreendedorismo feminino no ecossistema de inovação e tecnologia, como a jornada Inovação Entre Elas. Criada em conjunto com os programas Sebrae Delas Mulher de Negócios e Startup SC, essa jornada visa trazer mais mulheres para empreender no mundo tech com suas visões de mercado, sua capacidade técnica e sua criatividade para a resolução de problemas.

O Inovação Entre Elas visa fornecer ferramentas para fundadoras e diretoras de empresas tech crescerem profissionalmente e pessoalmente no mercado de tecnologia. Com uma metodologia que contempla oficinas online, encontros de conexão, casos de sucesso e mentorias individuais, o programa quer desenvolver habilidades de gestão e competências socioemocionais para fortalecer a cultura empreendedora das mulheres na tecnologia e inovação. Se você quer crescer em cargos de liderança no setor tecnológico, o programa Sebrae Delas Mulher de Negócios pode lhe auxiliar! Acesse o portal do Sebrae/SC e saiba mais.

Deseja deixar um comentário, ou perguntar algo para o Sebrae? Você precisa estar logado para comentar ou perguntar! Cadastre-se ou acesse sua conta!