Carrinho
Seus carrinho está vazio!
;) Escolher produtos
Comércio
    Boletim de Tendências
  • Comércio
  • 10 de jun. 14

Consumo colaborativo

Aplicado a pequenos negócios de vestuário

A ação de troca, empréstimo, compartilhamento e outras maneiras de saciar uma necessidade sem a utilização monetária é muito antiga.

O atual conceito de consumo colaborativo teve início no final de 2008 nos EUA, reforçado pela crise econômica mundial, onde as americanas encontraram em seus closets, uma vasta possibilidade de trocar itens de pouco uso por novas peças.

As feiras de troca e os brechós ganharam força e com isso não demorou muito para que o universo virtual se envolvesse no sistema para facilitar essa maneira de consumir. No Brasil o surgimento foi tardio, mas com crescimento rápido.

Em 2011, o consumo colaborativo foi elencado como uma das dez coisas que mudarão o mundo, em artigo da revista americana Time.

Além da crise, outros fatores que alavancaram essa tendência de colaboração foram o aumento da conscientização ambiental e o crescimento da conexão entre as pessoas, devido ao acesso à tecnologia.

Confira mais no relatório!

Você precisa acessar sua conta para aproveitar as soluções do Sebrae! Cadastre-se ou acesse sua conta!


Gostou? Acesse agora o conteúdo completo!

Acessar Boletim de Tendências!

Outros produtos relevantes

+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
Deseja deixar um comentário, ou perguntar algo para o Sebrae? Você precisa estar logado para comentar ou perguntar! Cadastre-se ou acesse sua conta!