Carrinho
Seus carrinho está vazio!
;) Escolher produtos
Comércio
    Boletim de Tendências
  • Comércio
  • 05 de abr. 13

Tendências em móveis para o mercado pet

A tendência é que esse setor cresça mais nos próximos anos, portanto é preciso criatividade e disposição para pesquisar e produzir móveis que se adéquem aos clientes e seus animais de estimação

Aquecido e expandindo a cada ano, o mercado de pets é uma ótima oportunidade para as empresas do setor de móveis de madeira que desejam avançar em novos segmentos. Dados da Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet) mostram crescimento de mais de 16% do setor entre 2012 e 2011, com um faturamento de mais de R$ 14 bilhões em 2012.

Em termos de faturamento, o Brasil já é o segundo do mundo nesse mercado, atrás apenas dos Estados Unidos. Além disso, hoje são mais de 25 mil pet shops espalhados pelo país e cidades como São Paulo já possuem mais pet shops do que farmácias ou até mesmo padarias.

Empresas da área de móveis que se atentaram para essa tendência já estão saindo na frente, com mobiliário diferenciado tanto para lojas como para residências. As peças garantem requinte, conforto e praticidade para os animais de estimação e comodidade e estilo para seus donos. Marcas internacionais também se diferenciam com peças de luxo para esse mercado, desenvolvendo mobiliário com requinte, que chegam a ter detalhes em ouro ou prata.

Nesse relatório será possível conhecer um pouco mais sobre o mercado e acompanhar mobílias desenvolvidas, exclusivamente, para o mercado de pets.

Confira o relatório na íntegra!

Você precisa acessar sua conta para aproveitar as soluções do Sebrae! Cadastre-se ou acesse sua conta!


Gostou? Acesse agora o conteúdo completo!

Acessar Boletim de Tendências!

Outros produtos relevantes

+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
Deseja deixar um comentário, ou perguntar algo para o Sebrae? Você precisa estar logado para comentar ou perguntar! Cadastre-se ou acesse sua conta!