Carrinho
Seus carrinho está vazio!
;) Escolher produtos
Agronegócio
    Relatório de Inteligência
  • Agronegócio
  • 24 de abr. 13

Integração de vacas e ovelhas

A integração de bovinos e ovinos traz muitas vantagens para os empresários de leite

Uma alternativa para diversificar a renda e suportar variações de mercado pode estar na união de bovinos e ouvinos em uma produção integrada. Entre as vantagens que esse tipo de produção traz está a diversificação da renda, por meio da produção de leite bovina e carne ovina, e o benefício do manejo das pastagens, além do controle de parasitas nos animais.

Esse relatório tem como premissa estimular uma alternativa de diversificação da renda, com leite e carne. Estudo realizado por Carvalho et al. (2005) mostra que a introdução de ovinos em pastejo com bovinos aumenta o retorno econômico em 15% a 20%, já que transforma a forragem em produto animal de forma mais eficiente, seja pelo pastejo misto bovino e ovino, seja pela melhora geral no manejo.

A aptidão do empresário para esse tipo de produção deve ser levada em conta. Além disso, antes de optar por qualquer sistema de produção é necessário observar três fatores básicos: infraestrutura da propriedade, genética do rebanho e mercado (REIS e ÍTAVO, 2009). Nesse sentido, o relatório ressalta que os riscos são calculados e os imprevistos minimizados. As medidas de integração prevêem um estudo minucioso sobre a produção e um cuidado especial com diversos itens. Além de criar sistemas de segurança específicos, também é preciso cuidado na complementação alimentar, pois alguns minerais essenciais aos bovinos podem ser tóxicos aos ovinos, como é o caso do cobre.

Para conhecer sobre as vantagens, desvantagens, aplicações e recomendações da produção integrada, confira a íntegra desse relatório.

Você precisa acessar sua conta para aproveitar as soluções do Sebrae! Cadastre-se ou acesse uma conta!

Outros produtos relevantes

+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
Deseja deixar um comentário, ou perguntar algo para o Sebrae? Você precisa estar logado para comentar ou perguntar! Cadastre-se ou acesse uma conta!