Carrinho
Seus carrinho está vazio!
;) Escolher produtos
Agronegócio
    Relatório de Inteligência
  • Agronegócio
  • 21 de jul. 11

Perdas de colméias no estado de santa Catarina: um problema ainda sem solução

Os apicultores catarinenses têm relatado, desde 2007, perdas de colméias acima das médias normais dos períodos de entressafra

Os apicultores catarinenses têm relatado, desde 2007, perdas de colméias acima das médias normais dos períodos de entressafra. As médias normais podem chegar até 15%. Os apicultores relatam perdas de 30%, 40% e até 50% e, de acordo com eles, existem duas situações diferentes de perdas.
O primeiro tipo de perda está relacionado à mortalidade visível de abelhas nos ninhos, ou próximo deles. O segundo tipo de perda diz respeito à diminuição do tamanho do enxame até o ponto prático de não poderem mais alimentar e agasalhar a cria, tendo, como conseqüência, o abandono da colméia. Os dois tipos de perdas são discutidos neste relatório.

Para saber mais sobre perdas de colméias acesse o documento na íntegra!

Você precisa acessar sua conta para aproveitar as soluções do Sebrae! Cadastre-se ou acesse uma conta!

Outros produtos relevantes

+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
+ Saiba mais
Gratuito
Deseja deixar um comentário, ou perguntar algo para o Sebrae? Você precisa estar logado para comentar ou perguntar! Cadastre-se ou acesse uma conta!